Pages Navigation Menu

O Melhor site de turismo LGBT

Como evitar problemas na coluna durante viagens longas?

Entre ocorrências mais comuns na coluna estão dores e lesões. Saiba como evitar doenças e aproveitar o período de descanso ao máximo.

Durante as férias é possível desfrutar de momentos que a correria do dia a dia não nos permite. Para a maioria das pessoas, o período longe do trabalho serve para descansar e relaxar o corpo e a mente. Se aproveitado de maneira consciente é considerado até como ferramenta fortalecedora do sistema imunológico. O que muitos ainda não sabem é que pequenos gestos errados na hora de “embarcar” para a diversão podem ser ruins para a saúde da coluna. Os principais problemas são formigamento, dores, lombalgias e cervicalgias.

Para evitar este tipo de ocorrência, o carregamento de malas deve ser realizado com alguns procedimentos importantes. Deve- se sempre usar bagagens com rodas e na impossibilidade, procurar um meio de transporte, optar por mochilas ou dividir o peso em duas sacolas para não sobrecarregar um dos lados da coluna.

Já para os motoristas o alerta é outro. É importante parar a cada uma ou no máximo duas horas de percurso. Deve-se esticar o corpo, hidratá-lo e descansar alguns minutos. Alongar e também andar durante as pausas são boas opções. A dica também serve para quem for viajar de avião: levantar, alongar e caminhar um pouco é recomendável.

Confira algumas dicas para ter mais qualidade em seu descanso:

– Fazendo a mala: o melhor local para organizar as roupas da viagem é sobre uma mesa, pois ela tem a altura ideal para evitar que se curve para frente. Manter a mala próxima a esse local e igualmente numa altura satisfatória para a sua coluna.

– Guardando a mala: ao colocar ou retirar as malas do bagageiro, evite curvar o tronco para a frente, pois essa posição sobrecarrega a coluna. Se forem muito pesadas peça ajuda à outra pessoa.

– Buscando a mala: na esteira do aeroporto, faça uma base larga entre os pés, posicionando um à frente do outro. As pernas devem estar semi-flexionadas, um pouco dobradas. Utilize a força das pernas para suspender o objeto e aproxime-o do seu corpo.

– Dirigindo: no carro, os joelhos devem estar alinhados com os quadris ou um pouco acima. Apoie bem o corpo no assento e no encosto do banco e mais próximo possível de um ângulo de 90 graus. A distância dos pedais deve ser tal que seja possível alcançá-los com os pés de modo que os joelhos permaneçam levemente flexionados. Evite apoiar a cabeça no encosto, mas mantenha-o na altura da mesma. O encosto deve dar total apoio à coluna, a uma distância do volante que permita que os cotovelos do motorista mantenham-se em leve flexão, de forma a garantir liberdade de movimentos.

468 ad

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *